Dos pequenos feitos.

Pelo simples fato de sermos humanos, planejamos e sonhamos desde que adquirimos consciência de nós mesmos. Sonhar é tão importante que perder um sonho é como perder o sentido da vida. Sabe quando você planeja muito uma coisa e ela não acontece ou acontece totalmente diferente do plano? A frustração é angustiante, dá vontade de chorar, gritar, espernear e fugir, é triste.

A sensação de realização é inversamente proporcional a tristeza da frustração. Ficamos tão contentes ao atingir uma meta, mesmo que simples, que compartilhamos aquele feito com todo o mundo, postamos em redes sociais, comemoramos com a família, anunciamos ao mundo nossa felicidade! É muito bom ter essa sensação.

Eu nunca tinha reparado como damos importância a essas pequenas conquistas, até hoje…

Tivemos uma reunião na faculdade, e no final, os calouros foram pintados com a sigla UFMG. Parece que esse ritual é como um ritual de passagem. Sair na rua com a cara rabiscada é uma forma de anunciar ao mundo que conquistamos um sonho. Pode até ser um sonho bobo, sonhar em entrar pra faculdade? Pruft, mas pra muita gente isso significa realização. Eu por exemplo, não acreditava que seria capaz de sair de casa para viver. Agora eu preciso sair de casa para realizar sonhos que eu revivi.

Quando eu cheguei na rua com o rosto todo rabiscado, as pessoas me olharam, e por onde eu passava alguém comentava. Na hora da tinta, eu não gostei, mas depois quando todo mundo começou a reparar, eu percebi que já não estava zangada, pelo contrário, foi legal compartilhar uma realização.

As vezes uma coisa tão simples, significa muita pra gente. É normal se empolgar, por que ter vergonha das conquistas? É por isso que eu preciso registrar, que os nossos pequenos feitos são tão importantes quanto os grandes. Quando passamos de uma série para outra, ficamos tão felizes, essa felicidade não precisa ser menor que quando você é eleito presidente do Brasil. Claro que a proporção das coisas é diferente, mas são realizações igualmente importantes. Sem uma talvez você não tenha a outra. Então vamos celebrar os pequenos feitos! Viver como se fosse o último dia parece clichê, mas é uma expressão que não perde o valor. Comemore, vibre, fique feliz, seus pequenos feitos constroem que você é/será.

São os pequenos feitos que dão a cada dia, um pouquinho de sentido à nossa existência.

CAM01090

Deixe um comentário <3

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s